quarta-feira, 27 de julho de 2016

O Valor da Reflexão dos Pré-socráticos

“A filosofia grega parece começar com uma ideia absurda, com a proposição: a água é a origem e a matriz de todas as coisas. Será mesmo necessário deter-nos nela e levá-la a sério? Sim, e por três razões: em primeiro lugar, porque essa proposição enuncia algo sobre a origem das coisas, em segundo lugar, porque faz sem imagem e fabulação; e enfim, em terceiro lugar, porque nela, embora apenas em estado de crisálida[1], está contido o pensamento: ‘tudo é um’”.
NIETZSCHE, Friedrich Wilhelm. A filosofia na época trágica dos gregos.

[1] A palavra crisálida faz referência ao estado da lagarta antes de se tornar borboleta, o momento do casulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário