terça-feira, 26 de julho de 2016

ÂNGELO GIUSEPPE RONCALLI:Um cristão no trono de São Pedro de 1958 a 1963



"Sem dúvida,  foi a 'pobreza de espírito' que o preservou das 'ansiedades e cansativas perplexidades' e lhe deu a 'força da simplicidade audaciosa'. É ela também que contém a resposta à pergunta sobre como foi que se escolheu o homem mais audaz,  quando o que se queria era um homem dócil e complacente. Ele realizou seu desejo, recomendado pela Imitação de Cristo, um dos seus livros favoritos,  'de ser desconhecido e pouco estimado', palavras que já em 1903 adotou como seu motto". 
HANNAH ARENDT. Homens em Tempos Sombrios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário